mostrem2021 | Conselhos e incentivos para ajudar jovens a escolher especialidade médica reúne ‘número recorde’ de inscritos

mostrem2021 | Conselhos e incentivos para ajudar jovens a escolher especialidade médica reúne ‘número recorde’ de inscritos

Nos dias 6, 7 e 8 de outubro, irá decorrer em Coimbra a Mostra de Especialidades Médicas (mostrEM 2021), uma iniciativa de reconhecido sucesso e que visa ajudar os jovens médicos no processo de escolha de uma especialidade médica. A sessão de abertura, marcada para as 9h00 do dia 6 de outubro, contou com as intervenções do Professor Doutor Ricardo Vieira, do Serviço de Dermatologia em representação do presidente do Conselho Administração do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), do Coordenador para a Zona Centro do Conselho Nacional do Médico Interno (CNMI), António José Novais, e do presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes.

Esta mostra de reconhecido sucesso decorrerá no auditório principal dos Hospitais da Universidade de Coimbra, unidade do CHUC, e, face às limitações causadas pela pandemia COVID-19, decorrerá em simultâneo através dos meios digitais, contando com a participação presencial de palestrantes e moderadores.

Nesta sessão inaugural, em jeito de acolhimento futuro nas unidades do CHUC, o professor Ricardo Vieira assumiu: “Espero receber-vos daqui a pouco tempo na nossa instituição e dar-vos formação com a qual tanto anseiam e que vos servir para a vossa vida profissional”.

Em representação do Conselho Nacional do Médico Interno, e como responsável deste organismo da Ordem dos Médicos para a zona Centro, António José Novais, assumiu a recetividade a todas as dúvidas por parte de quem agora vai iniciar mais uma etapa crucial na vida de médico. “Estamos cá para qualquer dúvida, nos corredores do hospital, no instagram, no facebook, por email…”. O médico interno da especialidade de Medicina Interna do Hospital São Teotónio, em Viseu, recordou os seus tempos em que teve de escolher a especialidade: “Tive de vir ao mostrem também, na altura não havia streaming, era tirar notas e enviar emails para vários hospitais do país, mas o local onde nos formamos é apenas um local para nos tornar melhores médicos”.

Por su turno, Carlos Cortes assumiu que, também ele, já foi orador neste evento, apresentando a sua especialidade – Patologia Clínica. E frisou: “Este fórum, este encontro é muito importante. Trata-se de um momento decisivo das nossas vidas”. E lembrou ainda que haverá outras apresentações que não estão relacionadas somente com as especialidades. “Há outros espaços de intervenção na vida de um médico”, acentuou, dando como exemplos, a área de investigação, a docência, a indústria farmacêutica e gestão. Quanto a esta última competência assumiu que “a liderança e a capacidade de gestão” são cruciais, tal como “a qualidade da formação médica”. “Eu, enquanto dirigente da Ordem dos Médicos, não abdico da qualidade da formação médica em nenhuma circunstância”, concluiu.

Tal como nas anteriores edições, recorde-se que a mostra visa auxiliar os jovens médicos internos no processo de escolha de especialidade (formação específica). Durante estes três dias, os colegas mais experientes em cada uma das suas especialidades apresentam aos mais novos os respetivos programas de formação, os aspetos práticos da sua área médica e/cirúrgica e também respondem a dúvidas sobre cada uma das especialidades. Esta iniciativa tem sido uma preciosa ajuda para os jovens médicos que, desta forma, recebem conselhos e incentivos para o seu futuro.

Nesta edição irão decorrer sessões transversais com três temas importantes: Carreiras alternativas – ser médico investigador (dia 6 de outubro, 12h15); Carreiras alternativas – ser médico empreendedor (dia 7 de outubro, 12h15); FAQ do Internato Médico (dia 8 de outubro, 12h15). A sessão de encerramento do MostrEM 2021 está marcada para as 16h00 do dia 8 de outubro.

Recorde-se que este evento é organizado pelo CNMI em colaboração com os Conselhos Regionais Norte, Centro e Sul da Ordem dos Médicos.

Estão perto de 500 jovens médicos inscritos para assistir às sessões online no mostrem 2021 da região Centro, o maior número até agora registado neste formato.

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos