Ordem dos Médicos participa no cordão solidário em defesa do Hospital dos Covões

Ordem dos Médicos participa no cordão solidário em defesa do Hospital dos Covões

Um cordão humano solidário sem precedentes: Mais de 2 000 pessoas manifestaram-se em Coimbra em defesa do Hospital dos Covões, numa iniciativa promovida por diversas organizações, e à qual a Ordem dos Médicos se associou.

Ecoaram as palmas, ao longo de centenas de metros, com pessoas ao longo dos passeios da estrada principal de acesso ao Hospital Geral. Cartazes e palavras de ordem ajudaram também a construir este evento em defesa do hospital.

Autarcas, médicos, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliares, técnicos de diagnóstico e terapêutica, sindicalistas, personalidades das artes e da cultura – foram muitos os que, desta forma, quiseram mostrar o apoio a esta causa.

Em declarações aos jornalistas, Carlos Cortes, presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, considerou inaceitável estar a diminuir a capacidade assistencial deste hospital transformando-o numa unidade distrital.

A concentração teve início às 10h30 e prolongou-se ao longo da manhã.

Num dos cartazes, podia ler-se: "Salvem os Covões".

 

 

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos