Entrega das medalhas é sempre um momento de grande emotividade | Viseu

Entrega das medalhas é sempre um momento de grande emotividade | Viseu

Foi com a voz da jovem médica Lara Tomás, acompanhada à viola pelo seu pai, António Mário, que terminou mais uma cerimónia de homenagem aos médicos que completaram 25 anos de inscrição na Ordem dos Médicos, em Viseu. Fados que culminaram momentos de celebração e de alegria, sob a égide da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM) que organiza as cerimónias que decorrem em todas as sub-regiões deste organismo.
Na cidade de Viriato, no dia 26 de junho, o presidente da SRCOM reiterou a enorme importância desta cerimónia até porque, nela e com ela, se reconhece a importância do trabalho, o empenho, a entrega, e o sacrifício que os colegas efetuam ao longo da vida, sempre em prol dos doentes.

Lembrando os 40 anos do SNS, que se assinalam este ano, o presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, enalteceu as mudanças que se conseguiram almejar na prestação dos cuidados em Portugal graças a um grupo de médicos que levou a cabo o Relatório das Carreiras Médicas. "Foram os médicos que levaram a Medicina e a Saúde aos portugueses. Um ato de grande nobreza", acentuou.

Nesta sessão que incluiu conhecidas músicas e letras do nosso Património Imaterial da Humanidade, os colegas que completaram os 25 anos de inscrição na Ordem dos Médicos receberam as medalhas de mérito das mãos de Carlos Cortes e Cortez Vaz, vice-presidente do Conselho Subregional de Viseu da Ordem dos Médicos.

© Texto e Fotos/SRCOM – Paula Carmo

 

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos