Duarte Nuno Vieira integra equipa de peritos da ONU que investigará a morte do jornalista saudita Jamal Khashoggi

Duarte Nuno Vieira integra equipa de peritos da ONU que investigará a morte do jornalista saudita Jamal Khashoggi

O diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, Duarte Nuno Vieira, integra delegação da Organização das Nações Unidas (ONU) que irá investigar a morte do jornalista saudita Jamal Khashoggi, ocorrida na Turquia. A equipa, liderada pela relatora especial das Nações Unidas para as Execuções Arbitrárias, Sumárias e Extrajudiciais Agnés Callamard, é composta ainda pela advogada britânica baronesa Helena Kennedy.

Esta equipa da ONU estará no terreno, até ao dia 3 de fevereiro, para recolher detalhes das circunstâncias da morte do jornalista saudita. Os especialistas independentes em direitos humanos vão tentar estabelecer "a natureza e o alcance da responsabilidade de Estados e de indivíduos no assassínio", tal como refere um comunicado da organização.
Este inquérito internacional foi anunciado pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU que informou que o processo começará com uma visita de Agnés Callamard à Turquia a 28 de janeiro.
A representante das Nações Unidas relatará as conclusões ao Conselho de Diretos Humanos da ONU durante a sessão de junho de 2019.

Recorde-se que a 2 de outubro – tal como foi amplamente divulgado através de imagens de videovigilância – o jornalista Jamal Khashoggi, que morava nos Estados Unidos, entrou no consulado da Arábia Saudita em Istambul, na Turquia, com o objetivo de tratar de alguns documentos para poder casar-se com uma cidadã turca. O jornalista não voltou a sair do consulado. A ONU condenou publicamente o assassinato do jornalista e exigiu uma investigação "rápida, completa e transparente".

Está pois em curso uma investigação internacional ao caso e o professor Duarte Nuno Vieira é um dos intervenientes nesse inquérito. Enquanto especialista forense, o ex-presidente do Instituto Nacional de Medicina Legal, Duarte Nuno Vieira integrou já diversas missões internacionais em perto de 30 países da Europa à América Latina, Ásia e África, no âmbito dos direitos humanos, sob a égide de instituições como a ONU, Cruz Vermelha Internacional, Comissão Europeia ou Amnistia Internacional, entre outras.

@Foto SRCOM | Rui Ferreira

 

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos