Ordem dos Médicos visita Serviço de Anestesiologia da Unidade Local de Saúde da Guarda

Ordem dos Médicos visita Serviço de Anestesiologia da Unidade Local de Saúde da Guarda

 

O presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM), Carlos Cortes, visitou, no passado dia 22 junho, o serviço de Anestesiologia da Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda, no sentido de conhecer a realidade desta especialidade médica.
Face à escassez de recursos humanos, o presidente da SRCOM encetou um programa de visitas a todos os serviços de anestesiologia da região Centro, de forma a traçar o quadro real das contingências e necessidades mais prementes. Por outro lado, Carlos Cortes procura inteirar-se das circunstâncias desta especialidade médica para aquilatar em que medida a Ordem dos Médicos poderá ajudar na formação de mais especialistas.

 

Após uma reunião onde marcaram presença, a presidente Conselho de Administração ULS da Guarda, Isabel da Natividade de Carvalho Coelho Cruz Antunes, o diretor do Serviço Anestesiologia ULS Guarda (demissionário), António Matos Godinho e a anestesiologista, Maria José Fagundes, o presidente da SRCOM, Carlos Cortes visitou o serviço que possui no quadro de efetivos 6 médicos, com 56 anos de média de idade. Segundo informação recolhida, o anestesiologista mais velho tem 67 anos enquanto que a médica mais nova tem 53 anos. Segundo a mesma fonte, a última integração desta especialidade no mapa de pessoal efetivo da ULS Guarda, data do ano 2000.

O diretor do serviço, que apresentou a demissão aquando do início de funções do atual Conselho de Administração da ULS da Guarda, diz que o serviço necessita de, pelos menos, mais três médicos especialistas. Matos Godinho reporta, também, que metade dos médicos já poderiam prescindir do trabalho noturno e a outra metade já poderia prescindir do trabalho no serviço de urgência. A presidente do Conselho de Administração da ULS da Guarda assume que este serviço deveria "subir um primeiro degrau", no sentido de lhe ser reconhecida a idoneidade parcial.

Após a reunião matinal, foi efetuada visita à unidade de cirurgia de ambulatório.

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos