Lançamento da obra “Ela Pensa, dorme e sonha”

Lançamento da obra “Ela Pensa, dorme e sonha”

 

O livro infanto-juvenil "Ela pensa, dorme e sonha" foi apresentado, na sala Miguel Torga da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, em Coimbra. Trata-se de uma obra da autoria do cirurgião José Couceiro e da ginecologista/obstetra Ana Bela Coutinho (ilustrações). "É uma história muito bem idealizada e construída. É a história de uma chupeta que nos conta a sua visão do mundo, com uma mensagem política arguta e acutilante. É a dicotomia entre o rico e o pobre, ao mesmo tempo simples mas complexa crítica social" declarou o Bastonário da Ordem dos Médicos, na sessão de apresentação do livro. José Manuel Silva, ao enaltecer o texto e as ilustrações desta obra, cujos autores "têm uma sensibilidade muito particular", defendeu que "quando a história for contada às crianças tem de ser contextualizada e explicada".
Regressemos à obra: Que aventuras e sonhos tem uma chupeta que quer direitos e oportunidades para "todos os meninos do mundo e arredores?". Eis uma pergunta a que o livro responde, entre outras, de forma lúdica e profusamente ilustrada. Segundo a sinopse do livro, elaborada pelos autores, "tudo se passa da loja dos brinquedos para a mansão com pista de aviação. O bairro da lata e duas passagens pela lixeira onde há livros que alguns deitam fora e que falam dos direitos das crianças. O sono que faz pensar, sonhar e viver. Os miúdos que gritam 'Tudo para todos e nada para nenhum!'. Tornar sonhos realidade, isso, sim, é que é maior que cento e duzentos".
Eloísa Saraiva, da Chiado Editora, enalteceu o livro: " Esta é uma obra que tinha de ser editada pela Chiado Editora, a maior editora a nível nacional que aposta na edição de escritores portugueses contemporâneos. É com muito orgulho que nos juntámos, esperando que venham outros tão bons como o que hoje estamos aqui a comemorar".
Na sessão, que contou também com a presença de Catarina Matias, membro do Conselho Regional do Centro, o cirurgião José Couceiro (autor) fez questão de agradecer à editora por apostar num 'estreante' e não apenas nos autores consagrados, e estendeu ainda os agradecimentos à 'sua casa', a Ordem dos Médicos. "Conseguir fazer outras coisas para além da medicina, humaniza-nos e dá-nos um contexto de trabalho diferente", disse.
Reportando-se à presença do Bastonário da Ordem dos Médicos "que tem uma agenda muito preenchida", agradeceu o facto de José Manuel Silva estar "no grupo de irredutíveis homens que não têm preço". "Como amigo, como colega e como meu bastonário tem dado provas que não torce. É o Bastonário dos médicos mas tem sido o Provedor dos doentes em muitas situações", sublinhou o autor de "Ela pensa, dorme e sonha". Por fim, mas não menos sentido, o testemunho e agradecimento à ilustradora, sua mulher, a ginecologista/obstetra Ana Bela Couceiro. Sublinhando que neste projeto em comum "a qualidade da ilustração da Ana" é notória, uma vez que "fez desenhos, fez colagens e deu um toque diferente. Quem pinta muito bem poderia subtrair o texto, mas o trabalho da Ana é excelente". Ao enaltecer as qualidades da artista plástica, José Couceiro, disse, aliás, que a Ana Bela Couceiro já "ilustra" a sua vida há mais de trinta anos. No rol de sentidos agradecimentos, o estreante escritor agradeceu ao "clã Couceiro", em especial, aos seus netos.

Partilhe nas redes:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Ordem dos Médicos