Política da Qualidade

A Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM), consciente da importância da Qualidade e da Satisfação dos nossos Associados, Colaboradores e da Sociedade em geral, decidiu implementar um Sistema de Gestão da Qualidade baseado na norma NP EN ISO 9001, aplicada às nossas actividades de gestão administrativa e dos serviços prestados aos associados.

O Sistema de Gestão da Qualidade fundamentar-se-á sobre os seguintes princípios:
Com o objetivo de que esta Política da Qualidade seja adequada ao propósito da SRCOM, a mesma deverá ser a todo o momento o marco de referência para estabelecer e revisar os objetivos deste processo. 
 
Esta Política será difundida pelo Responsável da Qualidade para que seja aplicada e mantida a todos os níveis da SRCOM.
 
Em representação da SRCOM, o Presidente do Conselho Regional compromete-se a participar periodicamente na observação e eventuais revisões desta Política, para assim adequar os objectivos da Qualidade aos requisitos dos Associados e restantes partes interessadas, a critérios de satisfação destes e de melhoria contínua dos processos de prestação dos serviços.

AVALIAÇÃO DE FORNECEDORES 
Controlo dos Processos, Produtos e Serviços de Fornecedores Externos

Metodologia Avaliação dos Fornecedores Externos
 
A SRCOM determina os controlos a aplicar a processos e serviços dos seus fornecedores externos.
 
A SRCOM determina e aplica critérios para a avaliação, seleção e monitorização do desempenho e reavaliação dos seus fornecedores externos. A avaliação baseia-se na aptidão dos fornecedores externos fornecerem processos e serviços em conformidade com os requisitos estabelecidos. 
 
Critérios Avaliação
  • Cumprimento dos prazos de entrega; 
  • Condições contratuais; 
  • Cumprimento das especificações; 
  • Capacidade de resposta face a imprevistos; 
  • Capacidade de resposta às reclamações apresentadas; 
  • Capacidade de resposta a pedidos de informação e atualização da mesma.