11 de setembro 2020

Informação

Prof. Doutor Carlos Robalo Cordeiro eleito presidente da European Respiratory Society


O pneumologista Carlos Robalo Cordeiro, diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, é o primeiro médico português a desempenhar o cargo de presidente da European Respiratory Society (ERS), após ter vencido as eleições para a presidência da ERS.
O professor catedrático de Medicina e pneumologista do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra reconhece a importância deste cargo, em entrevista publicada a 10 de setembro no site da Sociedade Portuguesa de Pneumologia.

A ERS é a maior sociedade científica europeia dedicada à investigação e formação em torno das patologias respiratórias, sendo este um momento inédito para a Medicina Portuguesa.

"É simultaneamente uma sensação de preenchimento pessoal e profissional e de compromisso e gratidão para com os meus mestres, os meus colegas, os meus discípulos, os doentes respiratórios, e a minha família, a quem tudo devo e tudo é devido", afirma o especialista Carlos Robalo Cordeiro na citada entrevista.


Mandato é iniciado a 11 de setembro - Tomada de posse será em 2022

É um ciclo: Durante quatro anos, o reputado pneumologista do CHUC ocupará diversas responsabilidades decorrentes desta vitória eleitoral. De 2020 a 2021 assumirá o cargo de vice-presidente, em 2021-2022 o de presidente-eleito e, entre 2022 e 2023, exercerá as funções de presidente da sociedade. Finalmente, entre 2023 e 2024, Carlos Robalo Cordeiro continuará dar o seu contributo ao mais alto nível na ERS, embora, nestes dois anos, na qualidade de presidente cessante.

Entre os vários projetos e ambições que tem para este período de liderança da ERS, Carlos Robalo Cordeiro conta trazer a Lisboa um congresso anual da ERS.


Membro Honorário

Esta eleição inédita é precedida também de outro momento inédito. Em maio de 2019, o professor catedrático da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, Carlos Robalo Cordeiro, foi distinguido como membro honorário da Sociedade Respiratória Europeia (ERS), ao receber o título ‘Fellow of the European Respiratory Society' durante a reunião de Primavera da ERS, realizada em Zurique (Suíça). Trata-se de uma distinção que contempla, pela primeira vez, um especialista português.
O título ‘Fellow of the European Respiratory Society' foi criado em 2014 pela Sociedade Respiratória Europeia como reconhecimento para contributos de excelência na medicina respiratória e é, sublinhe-se, a mais alta distinção da ERS, como reconhecimento pelos méritos clínicos, académicos e na investigação bem como no contributo para a Sociedade Europeia de Pneumologia.


O professor Carlos Robalo Cordeiro, recorde-se, já recebeu dezenas de distinções nacionais e internacionais, como os prémios Thomé Villar (1988, 1993, 1998 e 2013); o AstraZeneca (2008); Morgagni Award, da Associazione Morgagni Malattie Polmonari, de Itália (2009), Personalidade do Ano da Fundação Portuguesa do Pulmão (2011), Membro Honorário da Sociedade Nacional Romena de Pneumologia (2018) e Medalha de Ouro da Sociedade Portuguesa de Pneumologia (2018).
O especialista integra o Gabinete de Crise da Ordem dos Médicos e o Grupo de Acompanhamento da Covid-19 (este criado pela SRCOM).

 

 

©Foto SRCOM - Paula Carmo
(Imagem captada na sessão de abertura 9º Congresso de Pneumologia do Centro / 42 ª. s Jornadas de Atualização Pneumológica, na Covilhã - 14 de junho 2018)