13 de maio 2020

Informação

COVID-19 | Ordem dos Médicos visita Centro de Reabilitação da Região Centro Rovisco Pais

O Centro de Medicina de Reabilitação da Região Centro-Rovisco Pais, na Tocha, foi a segunda unidade de saúde da região a receber a visita da Ordem dos Médicos após a fase mais crítica de saúde pública de âmbito global.

Com base na evolução do contexto nacional e para avaliar a resposta efetuada à doença Covid-19, o presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, visitou esta unidade especializada, na manhã do dia 13 de maio. Filipa Coutinho, membro da SRCOM, integrou também a visita com início marcado para as 10h00.

A comitiva da Ordem dos Médicos foi recebida pela presidente do Conselho Diretivo e diretora clínica desta unidade especializada da rede de referenciação hospitalar de medicina física e de reabilitação do Serviço Nacional de Saúde, a médica fisiatra Margarida Sizenando Cunha. Na reunião que antecipou a visita marcou também presença o médico João Pereira, coordenador do Programa de Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos do Rovisco Pais.

Recorde-se que a visita foi agendada com o objetivo de, em conjunto, avaliar a abordagem, as respostas e as medidas implementadas face à pandemia de Covid-19. Carlos Cortes destacou o êxito da resposta ali implementada, tendo em conta a organização dos cuidados de saúde ali prestados.

 

 #Rovisco Pais

O Centro de Medicina de Reabilitação presta cuidados de saúde diferenciados à população residente na sua área de influência, o que correspondente aos seis distritos da Administração Regional Saúde do Centro: Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria e Viseu. O Rovisco Pais, para além de prestar cuidados de saúde, tem ainda a vertente de ensino e investigação, no âmbito dos cuidados diferenciados de reabilitação, designadamente a doentes com lesões neurológicas cerebrais e medulares, lesões músculo-esqueléticas, amputados, grandes politraumatizados, reumáticos, queimados e com lesões cardiovasculares, entre outros. Esta unidade, situada na Tocha, promove ainda a readaptação e reintegração socioprofissional de pessoas com deficiência. Atualmente, o Rovisco Pais tem 80 camas para cuidados de reabilitação, 60 camas na Unidade de Cuidados de Convalescença (onde ficaram reservadas 4 camas para eventuais casos COVID-19).