27 de setembro 2019

Informação

"Nunca deveremos abdicar da qualidade da formação médica"

Os debates do segundo dia do 22º Congresso Nacional da Ordem dos Médicos um dos temas em análise foi "A Demografia Médica", cuja mesa foi presidida pelo presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes. Com a moderação de Caldas Afonso, o tema foi debatido por Alberto Amaral, Nuno Sousa, Vasco Mendes e Mariana Brandão, tazendo cada um deles a sua visão sobre este tema crucial. No final deste debate, em jeito de síntese, Carlos Cortes assinalou: "Nunca deveremos abdicar da qualidade da formação médica", sem esquecer a fase da apendizagem pré-graduada. 

Hoje, partir das 15.55 horas, serão conferidas as distinções aos médicos que "pela sua atividade e mérito pessoal tenham contribuído relevantemente para a dignificação da profissão médica, da Medicina em geral e da Humanidade".

De entre os 18 distinguidos, a Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos vai homenagear os professores de Medicina e distintos médicos Alfredo Mota, Hernâni Caniço e João Castel-Branco da Silveira.