26 de outubro 2020

AMP

"Carta ao Editor a Propósito da Carta ao Editor "Polifarmácia e Utilização de Medicação Potencialmente Inapropriada no Idoso com Idade Igual ou Superior a 75 anos: o caso de uma USF"

A Acta Médica Portuguesa acabou de publicar, em Online First, a Carta ao Editor com o título "Carta ao Editor a Propósito da Carta ao Editor "Polifarmácia e Utilização de Medicação Potencialmente Inapropriada no Idoso com Idade Igual ou Superior a 75 anos: o caso de uma USF".

Autoria:
Pedro Augusto Simões, Luiz Miguel Santiago e José Augusto Simões - Uma colaboração entre a Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra e a Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior.

Parágrafos iniciais:
Lemos com interesse a carta ao editor acerca da polifarmácia e utilização de medicação potencialmente inapropriada (MPI) no idoso com idade igual ou superior a 75 anos.
Num estudo similar, desenvolvido no âmbito dos Cuidados de Saúde Primários a nível nacional e com uma amostra representativa de 757 idosos com idade igual ou superior a 65 anos de acordo com a distribuição a nível nacional da população idosa, verificámos uma prevalência de polifarmácia de 77% (sobe para 82,6% quando consideramos a faixa etária ≥ 75 anos) e uma média de 8,2 medicamentos (8,7 medicamentos se ≥ 75 anos). A prevalência de pelo menos uma MPI foi de 68,6% (sobe para 72,1% se considerarmos apenas ≥ 75 anos), e os MPI mais prevalentes foram os inibidores da bomba de protões (presentes em 45,6% da nossa amostra), anti-inflamatórios não esteroides (em 34,5%) e benzodiazepinas (em 27,3%).

Link para acesso:
https://www.actamedicaportuguesa.com/revista/index.php/amp/article/view/15007